8 de mai de 2010

Voltando da Escola

Esse garoto é muito esperto!

Fernando Sarney é indiciado pela PF acusado de evasão de divisas
A Polícia Federal indiciou hoje o empresário Fernando Sarney, filho do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), acusado de remeter ilegalmente dinheiro para fora do país. O advogado de Fernando, Eduardo Ferrão, confirmou que Fernando prestou depoimento, mas disse que não tinha informações sobre o indiciamento. 
A Folha revelou em março que autoridades brasileiras receberam a confirmação do governo da China de que Fernando fez transações milionárias nesse país. Ele não teria declarado o dinheiro à Receita Federal. 
O indiciamento do empresário, por evasão de divisas, ocorreu especificamente por causa de uma remessa de US$ 1 milhão feita por ele para uma agência do HSBC em Qingdao, na China.

O dinheiro saiu de uma conta em nome de uma offshore nas Bahamas, conhecido paraíso fiscal do Caribe, pelo filho do presidente do Senado. A autorização da transação foi assinada de próprio punho por Fernando.

A pedido do Brasil, o governo chinês confirmou ao Ministério da Justiça não só a autenticidade do documento, mas também a existência da conta nas Bahamas e a efetiva transferência do dinheiro para Qingdao.

Recursos no exterior não informados ao fisco podem ser fruto de sonegação de tributos, evasão de divisas e lavagem de dinheiro.

Nenhum comentário: